Uncategorized

Dia do meu Casamento

Dia do meu Casamento
O que vou relatar não vai ser compreendido pela maioria das pessoas pois engloba relacionamentos que não posso aqui descrever como começaram mas tudo aconteceu realmente.
Casei-me no dia em que fiz 23 anos, foi um dos dias de maior felicidade mas também de mais nervosismo de toda a minha vida que durante o dia fui aliviando com sexo e a primeira situação foi logo as 7 horas da manhã fazendo um broche ao meu irmão no carro quando ele me foi levar à cabeleireira, depois já em casa com a ajuda da minha irmã masturbei-me como uma doida, depois já vestida de noiva e pronta para a secção fotográfica antes de ir para a igreja pedi à minha pobre mãe que me chamasse o meu pai ao quarto que queria falar sozinha com ele antes de me casar e ela que ainda hoje não sabe de nada lá o foi chamar, quando entrou no quarto Fechei a porta e pedi-lhe a última foda de solteira que ele não me queria dar por já estar também vestido e ter medo de amarrotar ou sujar tanto as calças dele como o meu vestido mas ficou logo de pau feito com a ideia, lá o convenci e mesmo de pé à Canzana e debruçada na minha cama ele por trás levantou-me o vestido como pode, baixou-me as cuecas e há que me foder como se não houvesse outro dia até me encher de esporra que fiz questão de manter dentro de mim colocando um tampão depois de ele ter tirado a piça, de seguida com a ajuda dele subi as cuecas, arranjamos o vestido o melhor possível e abrimos a porta, a minha mãe que foi a primeira a entrar no quarto olhou para mim e disse que a conversa me tinha feito bem porque estava mais feliz, mais bonita, coitada mal ela sonhava o que se tinha ali passado naqueles 15 minutos.
A seguir tudo se passou normalmente até ao meio da tarde que com a ajuda e cumplicidade da minha irma que combinei com um amigo nosso ir para um pequeno quarto preparado para a noiva ir à casa de banho e mais tarde trocar de roupa onde depois eu fui com a minha irmã. Enquanto fui com a minha irmã à casa de banho fazer um xixi e tirar o tampão que ela estranhou mas aleguei ser uma precaução com medo de que com o nervosismo algo acontecesse o nosso amigo ficou a despir-se, já na casa de banho não voltei a vestir as cuecas e fui par o quarto onde o nosso amigo já de pai feito me esperava, com ajuda dele e da minha irmã deitei-me de costas no chão e depois de deitada a minha irmã levantou-me o vestido para que eu pudesse levantar as pernas e abrir-me bem para a foda que tanto desejava, enquanto o nosso amigo me fodia a minha irmã excitada pela situação e sem qualquer acabamento levantou a saída, afastou as cuecas e mesmo à frente do nosso amigo que nunca lhe tinha visto a cona começou a masturbar-se, enquanto o nosso amigo se veio uma vez eu e a minha irmã viemo-nos duas vezes cada uma depois da foda tanto eu como a minha irmã límpamos a cona, retocamos a maquilhagem, não voltei a vestir as cuecas e fechando-as na mão lá voltamos as duas para o salão onde ninguém de certeza se apercebeu de nada. Quando me sentei ao lado do já meu marido meti no bolso das calças dele a mão que tinhas as cuecas e deixei-lá dizendo-lhe ao mesmo tempo ao ouvido para sem ninguém se aperceber ele ver o que eu lhe tinha metido no bolso, quando ele viu que eram umas cuecas muito admirado olhou para mim, confirmei-lhe que eram as minhas e que estava sem, o pobre homem iá tendo um ataque cardíaco, passei o resto do dia sem as cuecas e fui mantendo a calma até que já bastante mais tarde a dançar com o meu irmão uma música muito romântica disse-lhe ao ouvido que estava sem cuecas senti de imediato a piça dele bem tesa encostada a mim e ele também ao ouvido chamando-me puta disse-me que por ele me fodia ali mesmo. Combinei com ele que antes de ir embora iria com a nossa mãe e nossa irmã ao quarto tocar de roupa e que depois pediria a uma delas para o chamar com a desculpa de conversamos um bocadinho antes de nos ir levar ao hotel e ele me foderia, como estava uma noite quente vesti umas cuecas fio dental, uma saia curta e um cai-cai, e lá pedi para chamarem o meu irmão que me deu uma rapidinha maravilhosa. Na viagem para o hotel o meu marido bastante cansado e algo alcoolizado fez questão que eu fosse no banco da frente e ele no banco de trás do carro onde adormeceu quase de imediato, fiz todo o percurso encostada no ombro do meu irmão que enquanto conduzida e me apalpava eu brincava com a piça dele por cima das calças. Chegamos ao hotel ele já com ideias fez questão de nos ir levar as coisas ao quarto, quase me fodia no elevador com o meu marido à nossa frente, mal entramos no quarto o meu marido despediu-se dele e foi para a casa de banho, mal fechou a porta agarramo-nos um ao outro, eu abri-lhe as calças despindo-o da cinta para baixo e ele baixou-me o cai-cai pondo-me as mamas livres e dando-me um empurrão de maneira a fazer-me cair de costas na cama abri-me toda de imediato e ele arrancando-me as cuecas meteu-se no meio das minhas pernas dando-me uma valente foda. Pouco depois de me foder foi-se embora e eu fui dar com o meu marido a dormir na banheira, acordei-o e ele pedindo muitas desculpa alegando cansaço quis dormir e foi a minha vez de ir tomar banho onde recordando o dia doido mas inesquecível que tive me voltei a masturbar e me vim mais duas vezes, exausta fui para a cama para a junto do meu cornudo e agora marido onde adormeci de imediato. Na manhã seguinte o meu inocente e cornudo esposo acordou cheio de tesão e eu apesar de cansadita lá tive uma manhã maravilhosa de amor e sexo com ele antes de seguirmos viagem para o Algarve de lua de mel onde 2 dias depois nas dunas da ilha de Tavira lhe voltei a por os cornos com um estranho em uma zona de nudismo depois de me ter exibido e descaradamente me ter oferecido sempre que o corno estava distraído o que já não era novidade pois já tinha acontecido em ferias anteriores que tinhamos feito juntos enquanto ainda namorados.
Todis os familiares que aqui falo não sabem do meu relacionamento uns com os outros, apesar de tudo consegui guardar segredo todos estes anos. Não prometendo nada talvez escreva mais situações sexuais porque passei nesta já minha longa vida de sexualmente bastante activa seus com familiares ou outras pessoas. Bjs

Bir cevap yazın

E-posta hesabınız yayımlanmayacak. Gerekli alanlar * ile işaretlenmişlerdir

izmir escort antep escort